terça-feira, 26 de agosto de 2008

Superchick in the house tonight !

Agora posso dar as salvações pra Carol e pra Marcela também. Hoje eu pensei que contaria com a visita da minha mãe, como ela prometeu, mas, cadê?
Tenho até quinta-feira para terminar o editorial e isso é um problema grande porque eu ainda não comecei. Sei lá, algumas pessoas me abriram a mente, mas eu ainda estou meio confusa sobre o que escrever.
Meu Deus, estou ficando cega. Para os meus olhos, esse foi o pior dia da vida. Que horror, se eu não enxergo embaçado, os olhos doem. Óculos. E amarelos.
Então, quer dizer que eu não posso achar o Obama legal pra caramba porque o irmão dele vive com R$ 2,00 na África? Marcela, querida, difícil é continuar o achando legal pra caramba se ele ganhar e o irmão dele continuar vivendo com R$ 2,00 na África, não é não?! Sei lá por que gosto dele. Temos coisas em comum e eu gostei das propostas dele. E também, porque se eu fosse votar, não teria outra opção. Alguém me arranja um bonequinho do Obama que estavam vendendo ontem em Denver?
Minha inspiração está afundando como o Titanic, como devem ter percebido. E eu ainda fui capaz de criar outros dois projetos e tenho de escrever um editorial para um jornal de verdade até quinta-feita. Bacana, muito bacana! O que está acontecendo com o meu humor e a minha ironia?
Ganhei um novo mouse-pad, da minha tia (a carteira). É com o desenho da capa do livro Contando Estrelas, de Aguinaldo de Bastos. São poemas e, se podemos julgá-lo pela capa, muito boas, diga-se de passagem.
Atenção, para o pessoal que mora no Texas, show da banda Superchick confirmado para o dia 20 de setembro, às 11h a.m, no San Angelo Colt’s Stadium.
Acho que esqueceram de me avisar que não tem ninguém do Texas lendo meu blog e que ninguém conhece o Superchick. Infelizmente não conhecem Superchick. Superchick, a melhor banda de rock cristão da Terra. A melhor banda de rock da Terra. A melhor banda da Terra. Formada por Max, Dave, Matt, Brandon, Tricia e Melissa, a banda americana já gravou quatro álbuns, sendo que o quarto, Rock what you got - lançado não faz muito tempo - já vendeu mais de 700,000 cópias. Mais do que filmes e jogos de videogame. Suas músicas já foram usadas em trilhas sonoras de vários filmes, incluindo Legalmente Loira (One girl revolution), Confissões de uma adolescente em crise (Na Na e Not done yet), Ice Princess e Holiday in the sun (Get Up) e Nancy Drew (Beauty from pain). A maior parte de suas músicas tratam de problemas que os jovens costumam enfrentar e algumas falam sobre anorexia e o mal que isso acarreta. Como uma banda cristã, não é de se estranhar que quase todas as suas músicas falem de Deus.
É isso aí, acho que vou falar de uma banda, filme ou livro cada dia. É bom e eu evito o narcisismo.
Conheci o Superchick através da minha melhor amiga, que me mostrou Get Up e, só depois descobriu que é uma banda cristã. É o nosso vício agora.
Ah! Já ia me esquecendo: me chamaram de Maria! É! Eu me apresentei assim e, mesmo o menino tendo descoberto que meu primeiro nome não é Maria, ele me chamou de Maria!
God Bless.
xoxo, m.

2 Comentários:

Blogger C. Gabriel disse...

Então anote em um papel qualquer: mais um leitor compulsivo para o seu blog. (Há, me gabei)
Estou "desligado" da política e do mundo. Confesso que, para mim, o maldito presidente já estava na Casa Branca há muito tempo. Enfim, Paris Hilton "presidenta"! *-*

26 de agosto de 2008 15:24  
Blogger m. disse...

Uh huh! Um leitor compulsivo, é? Obrigada :)

27 de agosto de 2008 11:03  

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial